Você está em Material de apoio > Enxadristas

Vladimir Kramnik

Um dos melhores enxadristas russos dos últimos tempos, chamou a atenção de Garry Kasparov em 1992, quando em toda a Rússia não se falava em outra coisa sem ser a grande ascenção de Vladimir no mundo xadrez. Garry resolveu acompanhar as partidas do rapaz, e ficou muito contente com o que viu. Um jogador versátil, inteligente e brilhante.

Não se pode dizer que Kramnik aprendeu a jogar xadrez aos 5 anos de idade, pois aos 5 anos de idade ele já tinha uma rotina diária de treinamento com seu pai. Com 11 anos de idade ele conseguiu o título de Grande Mestre

Com ajuda, (muito bem-vinda) de Garry Kasparov, Vladimir conseguiu um lugar na seleção russa de xadrez que foi para as olimpíadas de Manila, em 1992. Com a ajuda de Kramnik a Rússia ganhou a medalha de ouro. Após essa olimpíada ele conseguiu o título de Grande Mestre Internacional.

Kramnik é conhecido no mundo do xadrez como um enxadrista muito cauteloso, não faz ataques sem antes ter pensado muito bem antes. É por ele ser tão cauteloso assim, que ele atinge incríveis marcas de poucas derrotas em toda a sua vida profissional.

Entre as entidades dissidentes da FIDE, Kramnik ainda é o campeão, tendo tirado o título de Kasparov em 2000.

Entre 25 de novembro e 5 de dezembro de 2006 Kramnik enfrentou o computador Deep Fritz e foi derrotado, perdendo 2 partidas e empatando 4. Na primeira derrota, Kramnik, concentrado apenas no flanco da dama onde um peão passado poderia levá-lo a vitória, deixou passar a possibilidade de Fritz aplicar-lhe mate na jogada seguinte e perdeu um jogo que poderia ter ao menos empatado facilmente.

Atualmente Kramnik está figurando no Top5 do ranking da FIDE, e está em grande ascenção.

Como referenciar: "Vladimir Kramnik" em Só Xadrez. Virtuous Tecnologia da Informação, 2013-2019. Consultado em 23/08/2019 às 13:19. Disponível na Internet em http://www.soxadrez.com.br/conteudos/enxadristas/p30.php