Você está em Material de apoio > Enxadristas

Rafael Leitão

Rafael Leitão se destaca entre os demais enxadristas brasileiros, pois ele foi o mais jovem brasileiro a conseguir o título de Grande Mestre Internacional, com apenas 18 anos de idade.

Entre os brasileiros, ele é o mais bem colocado no ranking da FIDE (até dezembro de 2010), ocupando a primeira posição do ranking.

Detentor de diversos títulos, ele começou a adquirir experiência ainda jovem, quando conquistou de uma maneira surpreendente três títulos mundiais FIDE, sendo eles:

-  sub-8, sub-12 (compartido) e sub-18.

O título do campeonato sub-18 é um dos mais festejados por Rafael, e muito parabenizado por diversos especialistas do xadrez, pois o alto nível das partidas exigiu muito do enxadrista brasileiro, e ele se demonstrou almtamente capaz de jogar de igual pra igual, e até mesmo vencer as potências de xadrez da Rússia.

Os principais títulos da vida de Rafael Leitão são:

Campeão Brasileiro mirim, 1989
Campeão Panamericano mirim, 1989
Campeão Panamericano Pré-Infantil, 1990 e 1991
Campeão Brasileiro Pré-Infantil, 1991
Campeão Mundial Pré-Infantil, 1991
Campeão Panamericano Infantil, 1993
Campeão Panamericano de Cadetes, 1994 e 1995
Campeão Panamericano Juvenil, 1995
Campeão Panamericano Infanto-Juvenil, 1996
Campeão Mundial Infanto-Juvenil, 1996
Olimpíada de Yerevan (Armênia), 1996 (1º tabuleiro do Brasil)
Campeão Brasileiro Absoluto, 1996, 1997 e 1998
Campeão do Zonal 2.4 da FIDE (empatado com Milos e Sunyé) 
Campeão da Copa Itaú, 2000
Olimpíada de Istanbul (Turquia), 2000 (2º tabuleiro do Brasil)
Campeonato Mundial Absoluto, Nova Delhi, Índia (Classificado entre os 16 melhores)
Campeão da Copa Itaú, 2000
Campeão da 8ª etapa do Aberto do Brasil 2002
Olimpíada de Bled (Eslovênia), 2002 (integrante da Esquipe do Brasil)

Como referenciar: "Rafael Leitão" em Só Xadrez. Virtuous Tecnologia da Informação, 2013-2019. Consultado em 06/12/2019 às 23:22. Disponível na Internet em http://www.soxadrez.com.br/conteudos/enxadristas/p25.php