Objetivo
 Tabuleiro e Peças
 Movimentos
 Mov. Extraordinários
 Fases do Jogo

 História do Xadrez
 Dicas
 Escolas de Xadrez
 Enxadristas Famosos
 Glossário

 Modalidades de Xadrez
 Variantes
   Chaturanga
   Shatranj
   Xadrez Bizantino
   Xadrez Capablanca
   Grande Acedrex
   Jogo de Gala

 Fund. da estratégia
 Fund. da tática

 Notação algébrica
 Notação descritiva
 Notação numérica
 Notação Forsyth

 Partidas Analisadas
 Organizações
 Campeões Mundiais
 Eventos
 Títulos
 Biblioteca de Xadrez
 Curiosidades
 Fotos Históricas
 Papéis de Parede
 Vídeos
 Filmes
 Mitos
 Laifis de Xadrez
 Fale Conosco

 


 

 

Fundamentos da Estratégia

Para se obter sucesso no Xadrez, é indispensável o planejamento de uma boa estratégia, algo que vá fazer a diferença em relação ao seu adiversário. Muitos são os fatores para montar uma estratégia eficaz, levar em consideração o posicionamento das peças, tanto suas, quanto a do seu adversário, o valor de cada peça, sacrifícios necessários a se fazer, momento de avançar, de recuar, a ocupação do centro do tabuleiro, que propicia ao jogador ter mais opções de ataque e defesa em determinado momento do jogo.

Chess

As considerações que um jogador leva em conta durante o jogo podem influenciar diretamente na sua estratégia, uma vez que, em uma partida de Xadrez existe a possibilidade de reviravoltas, e sem muito tempo para pensar, o jogador precisa mudar a sua estratégia. De uma forma direta, é aconselhável que uma vez definida a estratégia, é preciso tentar ao máximo mantê-la até o fim do jogo.

Algumas táticas são feitas a partir da pontuação de cada peça no tabuleiro, sendo o valor dos pontos os seguintes:

Peão - 1 ponto
Cavalos e Bispos - 3 pontos
Torre - 5 pontos
Rainha - 9 pontos

Vendo então a estratégia por pontuação, entramos em um dilema, para alguns autores especializados em escrever sobre Xadrez, o Rei é a peça de maior valor, sendo ele um valor absoluto, ou seja, perdendo-se o rei, acaba o jogo.

Já outros autores afirmam que, o rei é geralmente mais poderoso que uma peça menor (cavalo ou bispo), todavia, menos forte que uma torre, então o seu valor de combate às vezes é estimado em quatro pontos.

Entretanto, o básico de uma boa estratégia é cuidar bem de seus peões, pois são eles a receberem o primeiro ataque na maioria das vezes, logo, ficando sem eles, as suas principais peças ficam vulneráveis. A estrutura de peões é relativamente estática e sua formação deve estar de acordo com a orientação estratégica que um enxadrista está seguindo no transcorrer de um jogo. Fraquezas nesta estrutura, tais como peões dobrados, isolados ou atrasados são, na maioria das vezes, de natureza permanente e devem ser sempre evitadas.

Curta nossa página nas redes sociais!

 

 

Mais produtos

 

Sobre Nós | Política de Privacidade | Contrato do Usuário | Fale Conosco

Copyright © 2013 Só Xadrez. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Grupo Virtuous.